Respondendo: tudo sobre bullet journal

Eu prometi muito fazer um vídeo sobre esse assunto, mas enquanto ainda estou repensando esse formato (e como ele se encaixa no meu propósito), queria responder um tanto de perguntas que me fizeram sobre o bullet journal há algum tempo, no Facebook e no Instagram.

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Aproveito esse post – que vou fazer mais no estilo perguntas e respostas – pra mostrar também o meu BuJo de Abril! Eu comentei no Insta que comecei um caderninho novo esse mês e sei que estava devendo mostrar o layout novo. Então, bora lá!

1. Como eu me acostumei a usar o bullet journal?

Olha, não tem muito segredo. Foi questão de criar um hábito mesmo! Eu sempre deixo o meu BuJo aberto do lado do computador, ele é a primeira coisa que eu vejo quando sento para trabalhar! Assim fica difícil eu deixar de anotar o que eu preciso ali. A minha dica é: deixe num lugar à vista! É mais fácil de pegar o hábito quando você tá vendo o caderno ali, olhando pra você o tempo todo!

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Index novo – agora com mais espaço!

2. Como eu me mantenho motivada?

Puxa, essa é outra pergunta que não tem muito segredo. A questão é: lembram que eu falei que o BuJo precisa ter um propósito? Pois bem, o meu tem um muito claro: me manter organizada. Trabalhando de casa, eu preciso de algum tipo de sistema que me ajude a cumprir prazos e entregas, que seja prático e fácil. Quando comecei o BuJo e logo vi os resultados (positivos!) não tinha porque eu não continuar com ele. Fora que você vai pegando o jeito de fazer as letras, os cabeçalhos, vai usando o caderno como um arquivo de furtos e a coisa vai tomando forma. Fica divertido!

Respondendo: tudo sobre bullet journal

3. Que tipo de caderno eu uso?

Essa pergunta eu já respondi neste post aqui. Mas vale lembrar que é um caderno quadriculado da marca Pombo, tamanho A5 (aquele menorzinho, que cabe melhor na bolsa).

Respondendo: tudo sobre bullet journal

4. Como é a minha rotina?

Essa é fácil! Eu normalmente acordo, faço as minhas coisas e sento para trabalhar. Antes de ligar o computador eu olho no calendário do meu BuJo se tem algum evento previamente marcado para aquele dia e, se não, eu começo a montar o meu daily log. Eu não listo as tarefas por prioridades. Coloco sempre tudo o que tenho pra fazer ali, sem ordem, e aí conforme o dia vai passando eu sinto o que é mais ou menos importante de fazer a cada momento.

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Respondendo: tudo sobre bullet journal

5. O que colocar no Key?

Isso vai muito de cada uma. Eu sou bem básica, não gosto de colocar mil ícones porque sei que não vou usar Então deixo só aqueles que são ‘usáveis’ mesmo, como o de tarefa, compromisso, tarefa cumprida, cancelada, etc. Pensa no que é prático pra você, tá?

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Detalhe do layout novo

6. O que colocar no tracker

Isso também é muito pessoal, vai de cada uma. Esse mês eu decidi mudar o tracker e colocar só tarefas relacionadas ao blog, porque eu estava esquecendo de marcar as caixinhas e isso estava deixando de ser produtivo. Eu gosto de deixar as coisas do Desancorando ali porque assim consigo ter uma ideia de como anda a minha produção (meio esquizofrênica, como vocês podem ver! Ahahah).

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Tracker agora mais voltado para o blog

7. O que o meu BuJo tem de diferente?

Olha… Eu diria que são doses cavalares de amor. Eu amo muito fazer o BuJo, sabe? Coloco ali tudo o que me inspira, tudo o que me faz bem, lembretes de quem eu sou de verdade e qual o propósito disso tudo, qual a minha meta. Não sei se isso pode ser considerado diferente, mas eu sei o tanto de carinho que coloco nesse caderninho. Não à toa ele virou parte da minha rotina!

Respondendo: tudo sobre bullet journal

Daily Log e páginas ‘extras’

Ufa! Acho que nem preciso dizer o quanto o bullet journal tem me ajudado, né? Você já sabe bem disso (ainda mais se me segue no Instagram e vê as mil fotos que eu posto dele toda semana).

Tem mais alguma dúvida sobre bullet journal? Me conta aí!

RELATED POSTS

13 Comments

  1. Responder

    Geisa

    fevereiro 9, 2017

    Acho essa ideia bem legal de misturar as atividades do dia-a-dia com frases inspiradoras. O uso das canetas coloridas deu mas vida as minhas tarefas. Muito boa essas dicas.

    • Responder

      Maki

      fevereiro 10, 2017

      eu também gosto, Geisa!

  2. Responder

    Carolina garcia

    maio 5, 2016

    Oi Maki!
    Eu tenho uma dúvida simples. rs
    Eu comprei esse caderno quadriculado da Pombo, vi sua sugestão aqui mesmo e, como não tenho grana pra comprar um Moleskine, resolvi investir nele mesmo! Rs
    A minha dúvida é: qual caneta você usa pra escrever nele, sem que transfira? Estou usando a Stabilo mas ela tá manchando que é uma beleza!
    Fiquei #chatiada então, se puder me dar um help, agradeço! :*

    • Responder

      Maki

      maio 5, 2016

      Oi, Carolina!
      Pois é, o único problema do caderninho da Pombo é esse. As folhas são um pouco finas e, por isso, a caneta mancha :'(
      Eu gosto de canetas de escrita fina, então estou usando uma da UNI que chama UNI PN (Ou PIN, não sei dizer porque o que seria o ‘i’ pode ser só um tracinho estiloso) Fine Line. Eu uso a 0.1 e não mancha, dá pra escrever direitinho. Uso a mesma caneta pra fazer os ‘desenhos’ e caligrafias, então é sem problemas. Deixo as coloridas da Stabilo só pra fazer alguns detalhes bonitinhos, até porque eu não curto coisas coloridas demais!
      Espero ter te ajudado!

      • Responder

        Carolina garcia

        maio 6, 2016

        Obrigado, Maki!
        Vou procurar essa caneta na minha próxima ida à Kalunga. <3
        Também não estou curtindo muito essas coisas coloridas. O que eu faço nunca fica tão bonito! Rs
        :*

  3. Responder

    Carol

    abril 28, 2016

    Oi MAki, sempre passo aqui quietinha, mas hj preciso comentar q estou in love total pelo blog! AMo cada Post!! Obg PoR compartilhar e ajudar! Pra mim tem funcionado muito o bujo ;)

    • Responder

      Maki

      abril 29, 2016

      Oi, Carol!
      Ah, como você é fofinha! Muito obrigada! ♥

  4. Responder

    Dayane Oliveira

    abril 28, 2016

    Maki, adorei o post e foi ATRAVÉS do seu blog que conheci o bujo e comecei a fazer, já que nunca tive sucesso com outras alternativas de organização. Estou no segundo mês e até agora tá dando certo e estou amando. obrigada! :)

    • Responder

      Maki

      abril 28, 2016

      Oi, Dayane!
      Poxa, que legal! O BuJo é ótimo mesmo. Fico muito feliz que ele esteja funcionando pra você! ♥

  5. Responder

    Aline

    abril 27, 2016

    Oi Maki,
    Conheci o BuJo aqui e estou completando um mês com ele. Então já consigo pensar nas lições aprendidas! Gosto do meu caderninho, mas ja sei o que ficou faltando e vou colocar em maio. O fato de ele ser personalizável é o mais legal, eu acho!
    Acredito, assim como VOCÊ, que tudo tem que ter um propôsito e quando a gente faz com amor fica tudo melhor!
    Adorei o BuJo de Abril *-*

    Beijão

    • Responder

      Maki

      abril 28, 2016

      Oi, Aline!
      Ahhhh que legal! É isso mesmo, a gente vai adaptando conforme vai usando e o mais legal é que não tem uma ‘regra’.
      Beijos!

  6. Responder

    Lary

    abril 27, 2016

    Olá
    Já uso o bujo a dois meses e tenho amado esse método. Mesmo ass, tenho muitas dúvidas ainda. Seu post me ajudou com algumas delas, mas algumas estão ativas ainda

    • Responder

      Maki

      abril 27, 2016

      Oi, Lary!
      Entendi. Quais dúvidas você ainda tem sobre o assunto?
      Beijos!

LEAVE A COMMENT