Tudo o que você precisa para montar um bullet journal

Acho que o Bullet Journal foi a melhor invenção dos últimos 10 anos. Digo isso porque há muito tempo tento me organizar bem, falhando miseravelmente e com uma coleção de agendas inacabadas escondida na gaveta da vergonha que ficou na casa da minha mãe.

Então, desde que eu adotei esse método, ele tem funcionado tão bem pra mim que eu acho que dificilmente vou abrir mão dele por qualquer outra coisa. São 4 meses usando o BuJo firme e forte, todos os dias, e só com bons resultados. Então, não tem porque abandonar, ?

Tudo que você precisa para montar um bullet journal

Algumas pessoas me perguntaram o que é preciso para começar um bullet journal, e eu tenho certeza que vocês vão ficar chocadas com a quantidade de material necessária (*insira uma carinha irônica aqui*):

  1. Um caderno
  2. Uma caneta

Fim. Não precisa de mais nada. Não sei se vocês lembram, mas no primeiro post que eu escrevi sobre o BuJo eu coloquei o vídeo do criador, o Ryder Carroll, em que ele mostrava o passo a passo de como montar um caderno desses. A ideia original é muito, muito, básica, justamente para manter a funcionalidade, então não tem porque você precisar de mais do que um bom caderno e uma boa caneta (que, de preferência, não manche o papel).

No Pinterest e no Tumblr você encontra inspirações incríveis para o Bullet Journal, mas uma coisa que eu percebi é que as pessoas tendem a desistir dele porque não acham que vai ficar tão legal quanto os que você vê por aí.

E, com isso em mente, entra a minha pergunta: mas a sua meta é ter um negócio bonito ou se organizar?

O bullet journal, assim como qualquer outro método de organização ou qualquer outra coisa que você goste ou se relacione, pode ser uma baita ferramente para frustração. Você se esforça (ou não) para fazer um troço bacana, aí olha no Pinterest uma ilustradora X que fez uma verdadeira obra de arte em papel e pensa em tacar o caderno pela janela de raiva porque o seu tá feio-horrível-ai-meu-deus-vou-tacar-fogo-nesse-treco. Resultado: frustração.

Quando eu comecei o meu BuJo, eu pensei, sim, que queria uma coisa bonitinha, mas eu precisava muito me organizar. Trabalhando de casa, se você não tem um mínimo de disciplina, as coisas se embolam e você acaba passando muito mais tempo procrastinando do que fazendo o que tem que fazer mesmo. Então, eu fui fazendo e, aos poucos, o meu caderninho foi ganhando forma.

Atualmente, eu estou encantada com o layout, as páginas que eu coloco ali, como escrevo, tudo! E ainda uso o espaço para treinar caligrafia e até algumas ilustrações. Virou quase que uma terapia montar o meu caderno. É uma coisa que eu faço com carinho, porque me ajuda a entregar o que eu tenho pra entregar. É uma ferramenta mesmo, entende?

Agora, se você quer mesmo saber o que eu uso para fazer o meu BuJo… Taí:

  1. Caderno Pombo quadriculado tamanho A5 (comprei na Kalunga)
  2. Caneta Fine Pen Faber-Castell de ponta 0,4: para títulos, desenhos, frases, página de memórias, etc.
  3. Caneta preta de ponta fina moLin: para escrever tudo o mais; amo a escrita dessa caneta!
  4. Régua
  5. Lápis de cor: agora estou escolhendo uma cor por mês para o tracker
  6. Canetas Stabillo: assim como o lápis de cor, estou escolhendo uma cor por mês agora!
  7. Lapiseira: uso para fazer o traçado de algum título ou desenho que tenho ~medinho~ de fazer direto à caneta
  8. Borracha
  9. Washi tape: às vezes, gosto de colocar um pouquinho pra dar aquela colorida nas páginas!

Ufa, pronto. É isso! Uma coisa que tem me ajudado a cada vez mais deixar o meu BuJo com a minha cara é, justamente buscar inspirações pela internet e tentar colocá-las no meu caderno, desde que sejam funcionais e que me ajudem a ter uma rotina mais organizada. E, não, eu não levo isso tudo na bolsa sempre que saio de casa! No máximo levo só as duas canetas (da Faber-Castell e da moLin) pra fazer anotações.

Moral da história: adote o método se for a melhor coisa para você e não porque você quer um caderno cheio de ~firulas. Esse não é o objetivo. As firulas são um bônus e você aprende pelo caminho, garanto!

Se você quer ver algumas inspirações de BuJo, tem o painel que eu montei no Pinterest, ó:

Follow Maki’s board BULLET JOURNAL on Pinterest.

Você curte o BuJo? O que você usa no seu?

3 comentários

  1. quando começei o meu bujo eu não me preocupei com a estetica escolhi um caderninho pautado lá no fundo do báu , peguei caneta e lapis de cor e fiz do meu jeitinho … é tão pequenino que cabe no bolso ♥♥♥ estou amando ♥♥♥

    1. Maki respondeu Ana Júlia

      arrasou, Ana! o objetivo é ele te ajudar a ser mais organizada! se tá rolando, então maravilha ♥

deixe seu comentário