O meu bullet journal de novembro/2015

Já posso declarar o meu amor eterno e verdadeiro pelo bullet journal? Pois bem, desde que eu adotei esse método de organização, estou não só apaixonada, como também virei aloka da organização, da washi tape e das canetinhas coloridas. Estou oficialmente descontrolada.

Brincadeiras à parte, eu estou curtindo muito usar um BuJo pra me organizar, tem, realmente, me ajudado demais, e o bacana é que eu estou usando ele pra muito mais do que apenas anotar os meus afazeres do dia a dia. Pense numa agenda totalmente personalizada e que eu posso usar pro que eu quiser.

o meu bullet journal novembro/2015

Então, depois de fazer um baita post sobre o bullet journal em si (clica aqui pra ler porque deu mó trabalho e ficou lindão), eu queria mostrar o meu BuJo pra vocês.

Muito bem, eu mostrei no Instagram que antes de começar o bullet journal mesmo, eu pensei o que eu queria que tivesse no meu, fiz um esqueleto e aí sim coloquei a mão na massa. Como é de praxe pra esse método, a primeira página é o Index, ou seja, o índice, com a identificação de cada página e o seu conteúdo, seguido por uma página de Dados Importantes. Sou MUITO esquecida e é sempre bom ter essas coisas à mão (e eu borrei os dados por motivos óbvios).

bujo1

Em seguida vem o Key, com os símbolos que uso no meu BuJo e o Future Log com os meses de novembro e dezembro. Agora que novembro acabou vou fazer um novo com os próximos seis meses, até junho.

bujo-2

Uma página que ficou oculta é a de Senhas. Já falei que sou esquecida, então também coloquei minhas senhas online no caderninho pra não ter perigo de esquecer alguma e ficar ‘trancada’ pra fora de uma das minhas redes.

Vi a ideia desse Calendário Mensal no Pinterest e fiquei encantada. Eu gostei muito desse sistema e funcionou demais pra mim. Eu consigo ver o mês inteiro e ainda escrever o que tem de importante pros dias. Como eu escrevo no BuJo diariamente, basta eu olhar o calendário pra saber se tem alguma coisa pra aquele dia. Ficou prático e fácil pra mim, além de muito visual.

bujo-3

Fiz também uma página de Metas para o mês, o que foi ótimo, porque como eu sempre vou e volto nas páginas é impossível eu não olhar pra elas e pensar sobre. Separei entre ‘Pessoal’ e ‘Blog’ e pro Desancorando eu também fiz uma folha chamada ‘Esse mês no Blog’, com posts que queria fazer e coisinhas para arrumar. Qualquer meta que não tenha sido realizada, passa para o mês seguinte.

Uma coisa que eu vou acrescentar em dezembro é uma página de Métricas do Blog, pra acompanhar o crescimento das páginas. Mas algo bem básico, sem neura, só pra ver como eu comecei e terminei o mês.

bujo-4

Em seguida, vem a página de Gastos. Como agora trabalho como freelancer, preciso ficar um pouco mais de olho na minha conta só pra ter certeza que tá tudo ordem, que as contas foram pagadas em dia… Eu acabo me perdendo na semana, já que estou sempre em casa. Deixei duas páginas porque não sabia o quanto ia usar e em novembro eu já comecei o BuJo na metade do mês. (essa página em branco vai ser reaproveitada depois).

bujo-5

Outra coisa super bacana que eu vi no Pinterest é o Habit Tracker. Basicamente você faz uma tabela com os dias do mês e atividades que quer manter ou adotar. É um sistema também chamado de ‘don’t break the chain’. O objetivo é você marcar como ‘feito’ todos os dias e ver a fileirinha colorida como um incentivo pra continuar completando. As cores não têm significado, eu só achei que assim ficava mais bonito.

bujo-6

Bom, depois do meu habit tracker começa o Planner diário. Mostrei dois tipos de ‘formatação diferente’. Não tem muita regra mesmo. Algumas vezes eu coloco dois dias por página, outras vezes mais, outras vezes eu uso uma página no meio para anotar alguma coisa legal que eu vi/li, às vezes eu coloco anotações no dia mesmo… Vai do meu humor/tempo.

bujo-7

bujo-8

Quando eu tirei as fotos pra esse post eu ainda não tinha feito isso, mas eu já montei o final do mês, com uma página só para o Balanço Geral: vou escrever o que eu fiz de bacana, coisas legais de lembrar, metas que eu alcancei, mais o meu total de gastos. É bem pra ser uma página de incentivo sabe?

Ah, e uma coisa interessante: lembram que eu comentei que a gente tem que seguir o fluxo natural das coisas? Pois bem, eu preciso dizer que a Maki de seis meses atrás JAMAIS teria uma agenda assim. O fato de as páginas não ficarem ‘perfeitas’ as linhas não serem certinhas, nada completar uma página totalmente me deixaria louca e eu largaria dois dias depois. Amei abrir mão esse meu controle doido e tentar uma coisa diferente.

Você já pensou em ter um BuJo? O que achou da ideia?

19 comentários

  1. Lidia comentou:

    ei, você ainda estuda UM CURSO EM MILAGRES?

    1. Maki respondeu Lidia

      sim! não só estudo, como pratico!

  2. amei seu post! inspiração pra mim, que comecei agora com o bujo, graças à uma foto sua que vi no facebook! ;)
    li muito sobre o bujo em outros blogs mas, com certeza, os seus posts a respeito desse assunto são os mais completos na minha opinião! <3

    1. Maki respondeu Carolina garcia

      Oi, Carolina!
      Poxa, muito obrigada mesmo! Fico feliz que os posts tenham te ajudado!

  3. marcitcha scrap comentou:

    Amei teu post. Há uma semana tenho lido e pesquisado bastante , mas esse post foi o melhor ( já andei em outros depois de ler seu post).decidi que vou usar o bujo , mas não vou abandonar meu planner que adquiri no início do ano(inve$$$ti e não posso desistir dele agora). mas ano que vem, só vou usar o bujo, pq me adaptei mais do que ao planner.parabéns pelo post que se transformou num guia p/ mim. obrigada!

    1. Maki respondeu marcitcha scrap

      Oi, Marcitcha! Poxa que legal ler isso! Olha, você pode adaptar o seu bujo ao planner, pelo menos pra iniciar o processo, ou então revender o seu planner pra alguém! Se você acha que vai te ajudar mais, não custa tentar, né? E volte sempre! ♥

  4. Olá. Eu estou viciada no método do bujo. Estou aguardando meu caderninho chegar pra começar a fazer o meu. Amei o seu e quero ver muito mais

    1. Maki respondeu Lary Zorzenone

      Oi, Lary! Eu estou viciada também!
      Pretendo mostrar mais do meu em breve ♥

  5. lee comentou:

    Mulher, que post inspiração. Sério. Fiquei super feliz em lê-lo, e quero começar o meu pra JÁ! hahaha Eu vou me programar para começar agora em Janeiro, que aí posso terminar minha agenda tranquila. Eu trabalhei por um tempão só com to-do lists, mas sabe quando falta algo? Quando tudo fica solto demais? Esse método parece ser bem melhor porque aí não tem risco de esquecer as tarefas que não foram feitas de um mês pro outro. Amei! Beijo pra ti e ótima semana, flor.

    1. Maki respondeu lee

      Lee, sei bem do que você tá falando. Eu comecei o meu antes do ano acabar porque a agenda já não tava funcionando mais. Precisa me organizar urgente. E eu amo To-Do lists mas entendo o que você quer dizer quando parece que tem algo faltando. Vai fundo no bullet post que eu tenho certeza que vai te ajudar!
      Beijos e boa semana pra você também!

  6. Oi maki! SEu BuJo ficou muito legal, parabéns! A maioria das coisas eu já faço no Excel (tenho um Arquivo “2015” com as abas, mas fico dividida entre a planilha e minha agenda – que uso para anotar ideias e metas. Vou adaptar algumas dicas para o que já uso, mas fiquei tentada a ter um caderno fofinho!

    1. Maki respondeu Agatha Persoli

      Oi, Agatha! Ai, fazer um BuJo é uma tentação mesmo!
      E, olha, admiro a sua capacidade de se organizar com uma planilha no Excel. Eu sou uma negação.

  7. vi o bullet journal no blog da paula abrahao há um tempão e até comecei um tímido pra me organizar no trabalho, mas queria mesmo era fazer um pessoal/do blog :~ cê me inspirou ainda mais e acho que vou tentar isso pro próximo ano, viu! (queria começar já, mas a correria tá tanta que acho que nem parar pra organizar eu vou conseguir hahah) curti demais esse habit tracker, acho que vai ser muito bom pra me organizar melhor! depois te conto se rolou, maki <3

    beijo!

    1. Maki respondeu celle coelho

      Habit tracker é VIDA. Eu tô viciada em pintar todos os dias seguidos e não pular nenhum. Ai, me mostra se você fizer mesmo! Tô viciada nisso e fico buscando novas inspirações 24/7!

  8. Nay comentou:

    Eu amei o primeiro post sobre como você montou o bullet journal e adorei este de acompanhamento! To pegando várias dicas e certamente vou fazer o meu. Eu já meio que fazia algo parecido, não usava agenda, comprava um caderno, montava um calendário no excel bem parecido com esse que você desenhou no seu Bujo e colava nas doze primeiras páginas. Dai fazia as anotações ao longo do ano no resto do caderno. Mas as dicas de organização, index, Key, Future Log, Habit Tracker… tudo fantástico e que vou incorporar!

    Só queria saber uma coisa: você usa um Moleskine? De qual tamanho? ou é alguma outra marca?

    Beijos!!

    1. Maki respondeu Nay

      Oi, Nay!
      Então, eu não uso Moleskine, não. Eles são lindos, porém caríssimos! O meu caderno é um da marca Pombo, vende na Kalunga e na Saraiva, tamanho A5 (13×21 centímetros) e tem 120 folhas. Achei o melhor custo-benefício!
      Depois me mostra o seu BuJo também!
      Beijos!

      1. Nay respondeu Maki

        Obrigada! Vou procurar! Depois te conto como ficou!

        Bjs!!

deixe seu comentário