52 pontos: como encontrar um propósito para o seu diário em tópicos?

52 pontos propósito diário em tópicos

as pessoas me perguntam muito como fazer um diário em tópicos, mas parece que todo mundo esquece da parte mais importante: por que fazer um? quando você começa a olhar as fotos de inspiração no Pinterest, parece muito desejável fazer spreads semanais maravilhosos, sair por aí treinando letterings incríveis ou comprar milhares de canetas Tombow pra fazer os títulos de cada uma das suas páginas.

fora que ver todas essas fotos intimida mesmo – se você não tem nenhum contato com o papel e a caneta desde que saiu da escola ou da faculdade (não é difícil, né? numa era tão digital…) pode olhar pra página de alguém como a Boho Berry e pensar ‘meu senhor Jesus, não vou nunca nem tentar fazer uma coisa dessas, porque vai ficar horrível’. e esse sentimento potencializa se você não sabe muito bem pra que serve um diário em tópicos e não entende a funcionalidade dele.

mas é aí que tá: o diário em tópicos tem que ter uma função pra dar certo. se ele não tiver uma função, não adianta você criar um álbum no Pinterest com todas as fotos do mundo, porque você não vai saber transpor o que tá ali pro seu caderninho de verdade verdadeira.

então, a pergunta que a gente tem que se fazer não é ‘como eu faço um diário em tópicos?’, mas sim ‘por que fazer um diário em tópicos?’. percebe que muda tudo? que a gente começa a olhar pra isso de um outro lugar? pois é.

por que fazer um diário em tópicos?

você pode começar um diário desses por alguns motivos, mas os principais são:

  • pra se organizar: você tem uma rotina que exige um certo nível de organização, tarefas para colocar num calendário, prazos de entrega, compromissos, é a louca das listas de tarefas… enfim, coisas que você precisa fazer e que de alguma forma exigem que você saiba onde encaixar e como adaptar no seu dia a dia;
  • pra estabelecer metas: você quer fazer uma poupança, tirar um projeto do papel ou mudar hábitos na sua vida e não sabe muito bem como manter um registro disso tudo;
  • pra relaxar: você gosta do papel e da caneta porque é relaxante escrever à mão ou você gosta de desenhar, rabiscar ou fazer qualquer coisa que te tire um pouco da frente do computador;
  • pra tirar as coisas da cabeça: bem no estilo diário que a gente fazia na época da escola, você pensa que seria legal ter um lugar só para colocar os seus pensamentos, sentimentos ou coisas que você vê no dia a dia e que se perdem nas mil abas que deixa abertas durante o trabalho e não tem ideia de onde colocou depois (ou sabe que não vai ler nunca mais).

você consegue se encaixar em uma dessas categorias? pode ser que você me fale: ‘puxa, Maki, eu me encaixo em TODAS elas, é possível?’. claro que sim! você precisa se organizar, mas também queria ter um lugar pra colocar uns pensamentos aleatórios (tipo euzinha). ou ama ilustrar, mas quer estabelecer umas metas pra sua vida e pro seu trabalho. ou você quer muito começar a fazer algum trabalho mais manual e ter um lugar pra colocar todas as suas referências. dá pra fazer tudo isso.

mas o mais importante é você saber qual é o seu propósito primário.

em termos mais fácies de entender, isso significa que você precisa saber o porquê de fazer um diário em tópicos – o que você fizer além desse propósito principal é um lucro, um extra, algo que você vai incorporando com o tempo.

ter um propósito é a coisa mais importante DE TODAS, porque ajuda a manter o objetivo do projeto vivo, entende? se você não sabe porque tá fazendo qualquer coisa na vida, depois de um tempo ela parece perder o sentido, a graça… você precisa de alguma coisa que te lembre o tempo inteiro porque começou isso que você tá fazendo.

é assim: se o propósito do seu diário é a organização, então tudo o que você fizer no caderno vai ser com isso em mente. eu preciso me organizar, então vou fazer um calendário que me permita ver todas as tarefas que tenho do mês. eu tenho que me organizar, daí vou planejar a minha semana com antecedência pra saber quais dias estão mais complicados e quais estão mais tranquilos. eu preciso me organizar, por isso vou abrir uma página só para controlar as minhas finanças e os gastos, porque o último mês foi uma bagunça!

entendeu como funciona?

Maki, entendi, mas ainda não sei como definir o propósito primário do meu diário em tópicos’. calma, calma, tudo bem. eu te ajudo, ó. eu e a Duds montamos um teste super legal que você pode responder, e isso vai te ajudar a achar esse porquê. é bacana que você responda com muita sinceridade no coração e deixe o resultado sempre à mão, porque vamos fazer uso dessas respostas ao longo do projeto, tá bom?

não bastasse um teste bem completinho, tem esse freebie fabuloso aqui com um checklist de cada uma dessas funções, que você pode fazer imprimir, circular com um monte de estrelinhas e canetas coloridas qual o seu e lembrar sempre (sempre, sempre, sempre) do porquê você decidiu começar um diário em tópicos.

CLICA AQUI PRA PEGAR O SEU FREEBIE FABULOSO

ah, mas e se depois de um tempo eu sentir que meu propósito mudou?

tudo bem, ué! você faz o teste de novo, lê a parte do freebie sobre esse outro propósito e adapta o seu caderninho de acordo! isso que é o mais incrível sobre o diário em tópicos, ele pode ser o que você quiser, quando você quiser. você pode, inclusive, criar um propósito totalmente novo e com a sua cara, porque esses que eu listei não estão se adaptando à sua rotina. quem manda é você, e o caderno tem que servir pro que você precisa, e não o contrário! tá liberado mudar de ideia e começar de novo, tá bom?

52 pontos banner

10 comentários

  1. Loma comentou:

    ESSE POST, meu deus. Que coisa mais linda, que utilidade pública. Fiz o teste e meu resultado foi organização. Eu preciso, sei bem. Mas queria muito um sistema que também me ajudasse a organizar minhas metas – a gente já conversou um tico sobre isso, lembra? Agora com a minha ida pro Brasil, eu queria muito te encontrar e queria uma ajudinha com o bujo. Help? Mas to aqui devorando essa série de posts e AMANDO essas dicas incríveis, todas disponíveis para todo mundo usar. Um trampo incrível, mana. Parabéns pra vcs!

    1. Maki respondeu Loma

      siiiiiiiim. mana, vamos fazer isso, sim! pode deixar que te ajudo ao vivo e a cores e cê vai ver como ele pode ser uma mão na roda pra você ♥ fico muuuuito feliz que você tá curtindo?

  2. Sheila comentou:

    Tentei criar um bullet, mas desisti pq não conseguia fazer as coisas da maneira que estava na minha cabeça, mas preciso muito de um. Aí depois da nossa conversa lá no insta resolvi que vou tomar vergonha na cara e reiniciar outro do “0”, só não sei quando hehehe….

  3. yuri s comentou:

    esse testezinho ajudou muito <333

    1. Maki respondeu yuri s

      aiiiii que bom ♥ fico muito feliz!

  4. Eu comecei um diário em tópicos para monitorar minha saúde mental, já que eu tenho TAG, transtorno de ansiedade generalizada. E acabou que por ser muito organizada e artística eu utilizo meu BuJo para vários fins. Mas claro, sem deixar de lado meu objetivo principal, que é ter um bom parâmetro da minha ansiedade e do remédio que tomo. Ele tem me ajudado muito nessa organização.
    Amei teu post e de acordo com o teste preciso estabelecer metas, haha.
    Beijo!

    1. Maki respondeu Leslie Leite

      que bom que tem te ajudado, Leslie! e o teste é só um balizador mesmo! se tem te ajudado com o tratamento, vamos combinar que você já tem uma meta pra desenvolver? e essa meta é melhorar, né? ♥

  5. MEU DEUS EU AMEI ESSE POST <3 amei tanto de verdade, amei fazer o teste, amei as dicas e acho que agora eu consigo desenvolver um bullet journal com mais confiança, porque o meu é tão bagunçado que nem minha vida HAHAHAHHAHA Obrigada pelos freebies. Maki seu blog tá ficando tão profissional. ♥

    1. Maki respondeu Clara Rocha

      aaaaaaaaaaaa que bom que você gostou, meu amor ♥ fico muito feliz REAL que tenha te ajudado!

deixe seu comentário