resumaki #6

eu pisquei e já era tempo de fazer o resumaki de novo ♥ (e esse mês tem vídeo!)

um pouquinho sobre junho…

cada mês que passa eu sinto um mix de emoções: parece que demorou muito tempo para acabar e fui do dia 1 ao 30 voando. aconteceu tanta coisa em junho que eu nem sei por onde começar. mas, acho que o mais importante foi perceber que cada dia que passa fica mais fácil encontrar aquele lugar de mim que se sente sempre confortável e feliz no que faz. isso pode não durar o dia inteiro, todos os dias, mas eu subo um degrau por vez, né?

teve uma vez que um colega de curso comentou durante um treino que a nossa maior certeza era que o nosso dia mais feliz era o dia seguinte – isso porque a gente estava treinando para chegar num ponto em que representamos só aquilo que somos, não mais o que a gente pensa sobre a gente. e eu sempre lembro disso com um sorriso no rosto: porque é verdade mesmo e meu dia mais feliz é sempre amanhã.

dito isso, esse mês foi um dia mais feliz que o outro. começou com um café da manhã tipicamente mineiro que me encheu o estômago de amor e pão de queijo quetinho. foi um dia tão delicioso que me deixa com o coração leve só de lembrar.

teve também clube do livro (vou falar mais sobre isso logo mais!) e eu consegui ler um livro inteiro esse mês: a alegria é sem tamanho! aos pouquinhos eu vou retomando o hábito da leitura, que eu perdi totalmente quando comecei a trabalhar de casa e não tinha mais o ônibus pra me incentivar (quem nunca perdeu o ponto porque estava distraída  lendo, que atire a primeira pedra!).

pra variar um pouco, eu fui pra Liberdade almoçar lámen, desa vez junto com a Celle e a Thays, essas fofinhas que alegram os meus dias. o tanto que eu amo esse bairro deveria ser objeto de estudo de TCC (não, sério). mas é sempre uma delícia andar por lá.

foi um mês ainda de muitos cafés e comidas gostosas. de botinha nova e meias chamativas. de festival ao ar livre num domingo, e de fazer um bate e volta até a praia para tirar algumas das fotos mais lindas que eu já vi na vida. e o melhor é que elas eram de mim! acho que nunca me vi tão eu quanto nesse ensaio.

em resumo: junho encheu meu coração de calor, mesmo com os dias frios (e as frases clichês que eu tanto insisto em usar).

… e umas coisinhas que valem a pena compartilhar

um post que amei escrever: carta aberta para a Maki de 15 anos 

um post que amei ler: Do You Take Yourself Seriously? (escrevi até um post sobre ele)

uma música: um hino é um hino, né?

um livro: O Ano em que Disse Sim, da Shonda Rhimes

uma série / dorama: Suspicious Partner (ou: ‘como surtar em cada episódio por causa do Ji Chang Wook)

uma palavra: alegria

uma pessoa: a Jo, que me proporcionou tantos momentos de carinho!

já começo julho com o pé direito, esperando mais (muitos) dias felizes 

 

2 comentários

  1. Babee comentou:

    Miga, só faltou eu neste vídeo, vamos providenciar neste próximo mês? <3 Tô impressionada na lindeza que você é, grave mais vidinhos pra gente!

    1. Maki respondeu Babee

      vamos dar um jeito nisso mesmo, miga. cê é muito amor ♥

deixe seu comentário