Diário #61 – Sobre a verdadeira importância

Sabe aqueles momentos em que parece que nada do que a gente faz importa? A gente acha que tá fazendo alguma coisa que tem um mínimo de relevância, só pra olhar pros lado e pensar: ‘meu Deus, o que diabos eu tô fazendo da minha vida?’.

A gente tem na cabeça essa ideia de que tem que fazer alguma coisa importante na vida. Mas o que é mais importante do que viver? Alguém algum dia disse que existem funções mais e menos importantes, tarefas mais e menos importantes, profissões mais e menos importantes, e a gente tomou tudo isso como verdade.

diario-61-sobre-a-verdadeira-importancia

E aí a gente passa boa parte dessa nossa experiência na Terra procurando esse tal de ‘importante’ e se achando um nada quando vê que o que a gente faz não é assim tão importante no final das contas.

A gente acha que ser famoso é importante. Ter fãs, ter seguidores, ter um legado… Entrar para a história sabe? Acho que foi em A Culpa é das Estrelas, de John Green, que eu li que todo mundo quer ser importante pro mundo de algum forma, mas a verdade é que daqui a milhões de anos será que alguém vai se lembrar de você? E mais…. por que lembrar de você é assim tão importante?

Sabe que eu passei tanto tempo querendo ser importante de algum jeito… que eu fiquei paralisada por muito tempo sem saber o que fazer. Ficava me comparando com quem eu achava que era ‘importante’, pulando de uma atividade pra outra, sem nunca terminar nenhuma delas, achando que era aí que estava o meu valor.

Tem horas que eu ainda acho que não sou importante e que nada do que eu faço importa de verdade.

Tem horas também que eu ainda acho que talvez seja melhor eu dar aquela sumida básica da cena pra ver se os outros ficam melhor sem mim.

Só que isso é mentira. Porque a minha importância não está onde eu estou ou no que eu estou fazendo. A minha importância está em viver a Vida como ela é, em estar em constante contato com quem eu sou de verdade e em mostrar para as outras pessoas que elas são tão importantes quanto eu.

A importância não está no que a gente faz. Tenho certeza que Angelina Jolie também acha que não tem importância de tempos em tempos, tanto quanto você. Sabe, a real é que nada dessas coisas que a gente faz no mundo importam. É tudo tão passageiro, tão perecível… a única coisa real nisso tudo é quem a gente é de verdade e isso não tem como quantificar.

É impossível medir a sua vida com uma régua. Ou pesá-la numa balança.

Só o que importa mesmo é a lembrança de quem a gente é de verdade, da nossa essência. E sabe do que mais? Quando a gente se lembra disso, tudo o que a gente faz se torna importante, porque tudo, de uma forma ou de outra, está em contato com isso também.

Não tem nada a ver com a forma, entende?

No plano maior das coisas, todo mundo é importante, e todo mundo tem o seu papel. Ninguém fica de fora, nunca.

É só uma questão da gente lembrar que a nossa vida não tem nada a ver com publicar fotos no Instagram ou fazer cursos de especialização, e tudo a ver com a lembrança de onde a gente veio e que, nesse lugar, todo mundo e igualmente importante e essencial.

10 comentários

  1. tudo que eu precisava ler hoje! SÉRIO ♥

    Amei te conhecer. engraçado como até mesmo na internet as coisas (textos, músicas e imagens) e pessoas aparecem quando realmente têm sentido pra nós, né?!

    Voltarei mais vezes!
    Beijo,
    Vi ;*

    1. Maki respondeu Victória

      oi, Victória! ai como você é fofinhhhhaaa! obrigada mesmo e volte sempre! fico feliz que o testo tenha te ajudado!

  2. Isso me lembra um pouco uma conversa que tive com um amigo meu, sobre a importância das coisas. estava falando pra ele sobre meu blog, dizendo que não gostava que meus conhecidos soubessem dele, e ele me disse “e daí? você sabe, [seu blog] tem importância relativa, ele é importante pra você, mas ninguém vai dar a mínima, acredite em mim” (ele também era blogueiro, então sabia do que estava falando).

    A verdade é que as vezes eu acho que tudo não tem importância. Olho pro blog, pras minhas redes, pras coisas que gosto de fazer, e vejo um monte de gente fazendo trabalho voluntário, ajudando os outros, publicando coisas interessantes, e eu penso “tá, to aqui jogando o meu tempo fora nessas coisas sem importância”. Mas seu texto me deu um outro ponto para pensar. Quem define afinal o que tem ou não tem imporância? E porque tudo o que a gente faz tem que ser importante? Não basta querer e gostar de fazer? Vou parar de me preocupar com a importância das coisas, e apenas fazer entender que as coisas são como são.

    A próposito, o John Green tem um vídeo muito bacana falando sobre isso, uma espécie de resposta ao personagem dele em O teorema Katherine, que diz que o segredo da vida é fazer algo importante…. Acho que o John Green concorda com o que você escreveu, pena que já esqueci o nome do vídeo

    1. Maki respondeu Marina Menezes

      isso, Mariana! é bem isso mesmo! Quem sabe dizer o que realmente importa e o que não tem importância nenhuma? se você fizer qualquer coisa sabendo que, acima de tudo, a Vida que te mantém viva é o que importa de verdade, então essas coisas também se tornam importantes, sabe? faz o que você quer fazer com essa sensação gostosinha, com carinho e tudo bem!
      ai, não acredito! vou tentar encontrar esse vídeo em algum lugar! eu amo o john green! ♥

  3. Sofia comentou:

    Lindo demais! adorei, parabéns!!

    1. Maki respondeu Sofia

      brigada, Sofia! ♥

  4. Aline comentou:

    Amei o texto. Eu to num momento meio abarrotado de tarefas e de dificuldade para priorizar as coisas então tudo fica meio bagunçado e eu achando que não sirvo pra nada :(
    Eu vim aqui hoje porque por mais absurdo que pareça eu sonhei com você. A gente nunca se viu, mas era você no sonho, pela presença! Acho que precisava vir ler seus textos pra encontrar um pouco de mim neles…

    Somos importantes pelo simples fato de SERMOS. Somos uma energia que faz parte do todo e sem nossa existência o todo seria incompleto. O que fazemos, onde estudamos, Nossas viagens é parte de nós, mas não necessariamente o que deveria quantificar nossa importÂncia, porque nossa Vida por si só já é importante!

    Um beijo, Maki!

    1. Maki respondeu Aline

      menina, que doido! o que você sonhou? não duvido que tenha rolado mesmo e fico feliz que você tenha passado aqui pra contar!
      e é isso mesmo. a gente é importante simplesmente por É, por EXISTE! e não tenha dúvidas de que você é importante, viu?

      1. Aline respondeu Maki

        Então, eu sonhei que chegava na sua casa, assim, do nada, como cheguei aqui da primeira vez hahahaha e você me chamava pra tomar chá da tarde com você e tinha bolo hahaha. E a gente conversava sobre as coisas que já conversamos aqui pelos seus textos e comentários que trocamos… Acho que tava sentindo falta da energia do Desancorando, da sua energia, no caso! :D

        Somos importantes!

        Um beijO! <3

        1. Maki respondeu Aline

          ahhhhh, que sonho maravilhoso! super imagino essa cena acontecendo! uma xícara de chá e falar sobre coisas gostosinhas!
          ♥ ♥ ♥

deixe seu comentário